FINANÇAS PESSOAIS

Não consigo guardar dinheiro. O que eu faço?

É comum a sensação de trabalhar o mês inteiro e sentir que só pagou contas?

Plano Finanças Pessoais

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on twitter

É comum a sensação de trabalhar o mês inteiro e sentir que só pagou contas? Isso significa que você não está administrando seu dinheiro corretamente, afinal, temos que nos forçar - inicialmente - a guardar dinheiro, mesmo que seja pouco, para gerarmos disciplina e hábito. Temos algumas sugestões e boas práticas para te auxiliar nesse caminho. Vem com a Plano nesse post que explicaremos.

Os primeiros passos são para organizar suas finanças:

1. Elimine custos e taxas desnecessárias - à começar pelo seu banco.

Às vezes estamos pagando tarifas de contas que não temos benefício nenhum dos bancos tradicionais, e, poderíamos economizar esse dinheiro para começar a guardar. Aqui na Plano indicamos aos nossos clientes o Banco Inter e Nubank para ter sua conta corrente.

2. Separe suas despesas fixas, variáveis e dívidas

Em um dos nossos posts anteriores, falamos como você pode ter suas finanças pessoais saudáveis, e, abordamos como você pode separar suas despesas fixas e variáveis em blocos, afinal, só conhecendo seu próprio orçamento poderá saber quanto poderá guardar por mês.

3. Com a separação do orçamento realizada, force à reservar 10% do seus ganhos

No início é dificultoso, mas, logo você se acostuma. Destine 10% dos seus ganhos para uma nova conta com transferência automática, e, se possível corte gastos supérfluos para não comprometer suas despesas fixas.

4. Estude sobre investimentos

Agora que você já sabe o valor mensal que guardará, procure entender sobre investimentos e qual aplicação é a mais adequado para seu perfil. Na grande maioria, sugerimos para nossos clientes os mais investimentos mais conservadores. Para a aplicação do dinheiro, indicamos plataformas como a Easynvest e a XP investimentosque possuem um excelente suporte aliado com taxas aceitáveis ou até mesmo isenta.

5. Invista

Depois dessas etapas chegou a hora de guardar dinheiro: comece com pouco, afinal, você está "pisando em solo desconhecido" e compreendemos, mas, logo esse hábito fará parte do seu planejamento. Todo mês invista um pouco na aplicação mais adequada à você.

6. Não se esqueça das Consultorias Financeiras

A Plano fornece uma reunião gratuita para cada cliente. Independente do seu momento financeiro. Auxiliamos em todas essas etapas com Consultores e ferramentas que tudo se tornará mais fácil. Conversamos sobre investimentos, organização financeira, quitação de dívidas, planejamento e muito mais.

E agora, acha que pode começar?

Quero organizar minha vida financeira. Plano, me envie sua newsletter.

Baixe nosso guia prático de finanças pessoais

Nos diga seu problema financeiro e enviaremo e-books, dicas e muito mais

Nos fale seu problema financeiro que enviaremos e-books, dicas e muito mais 🧡